Muitos podem achar que ganhar dinheiro dando aulas particulares só é possível para quem tem formação superior e uma coleção de diplomas. Mas, na prática, não é assim que funciona.

Escrevi este artigo justamente para mostrar como você pode gerar renda compartilhando seus conhecimentos, seja com aulas tradicionais, no formato presencial, ou pela internet, podendo alcançar alunos do mundo inteiro. 

Por mais que a internet ofereça diversas opções gratuitas de conhecimento, incluindo videoaulas, sempre há quem prefira o ensino personalizado, focado nas próprias necessidades. 

Desde pessoas mais velhas que querem aprender a utilizar as redes sociais, até crianças que precisam de ajuda com os conteúdos da escola, são exemplos de oportunidades para dar aulas, que não exigem uma formação específica. 

Entretanto, você precisa gostar de lidar com pessoas e se dedicar para fazer um bom trabalho se quiser ter sucesso. 

Veja a seguir sobre quais assuntos você pode ensinar, as diferentes formas de dar aulas particulares e quanto você pode ganhar com essa atividade. 

Dar aulas particulares de quê?

Existe grande demanda por aulas particulares de idiomas, reforço escolar para crianças e preparação para concursos e exames.

No segmento de idiomas entram as aulas de português para estrangeiros e aulas de conversação, para quem já tem conhecimento de um idioma, mas precisa praticar a expressão oral.

Porém, você não precisa se limitar a esses segmentos. Aulas particulares de dança, yoga, desenho e culinária também são ótimas apostas.

Eu dei aulas de particulares de francês aqui no Brasil, mesmo sem ter nenhuma formação na área de Letras ou experiência com ensino de idiomas. Foi uma ótima experiência, tanto pela interação com os alunos quanto pelo dinheiro que consegui na época.

Dar aulas particulares presenciais 

Você pode dar aulas particulares presenciais na sua casa ou ir até a casa dos alunos. As datas e horários devem ser agendados com antecedência, para que você e o aluno se organizem.

Para esse formato vale a pena fazer anúncios impressos e distribuir na sua vizinhança, aos amigos e conhecidos. Quem sabe alguma criança do seu prédio precisa de reforço em matemática ou tem um vizinho na rua interessado em aulas de inglês?

Também é super válido anunciar seu serviço nas redes sociais (em grupos do Facebook, por exemplo) e pelo WhatsApp.

Dar aulas particulares online

As aulas online permitem que você alcance alunos de qualquer lugar do mundo, necessitando apenas de um computador com conexão à internet.

Ferramentas de videoconferência como Skype e Zoom permitem dar aulas em tempo real e não geram custos de utilização.

Você pode divulgar seu serviço por meio de um blog, de um canal do YouTube ou das redes sociais, negociando o preço e forma de pagamento diretamente com os alunos.

Vamos supor que você crie um blog com dicas de português para falantes de espanhol. Então no blog pode ter um formulário de contato para agendar aulas online com você. O mesmo vale para um canal do YouTube onde você ensine sobre algum assunto.

Outra opção é utilizar plataformas da internet para dar aulas, tema do próximo tópico.

Plataformas online para dar aulas

De modo geral, o funcionamento das plataformas para dar aulas é parecido:

  • Primeiro você deve preencher seu perfil, informar habilidades e experiência.
  • Depois, você cria seu anúncio, de modo a despertar o interesse de possíveis alunos.
  • Por último, você deve fixar o preço das aulas. Em geral você define um preço por hora e pode oferecer descontos caso o aluno compre um pacote de aulas.
  • Após cada aula realizada, o aluno pode deixar uma avaliação sobre o trabalho do professor na plataforma.

Sugiro que você inclua uma foto no seu anúncio, para que o aluno saiba quem você é, e ofereça uma primeira aula grátis, para incentivar um primeiro contato e inspirar confiança.

Conheça agora 3 plataformas para dar aulas: 

Superprof

A plataforma Superprof permite dar aulas de praticamente qualquer assunto, incluindo reforço escolar, idiomas, música, artes e informática. 

Você pode se cadastrar e publicar um anúncio para dar aulas particulares presenciais ou online.

Não há taxa de cadastro ou qualquer outra tarifa (o site não cobra comissões sobre os valores que os professores recebem).

Profes

A plataforma Profes também oferece aulas dos mais diversos temas, para todos os níveis e idades.

Também não há taxa de cadastro para professores nem comissões, e você pode oferecer aulas presenciais ou pela internet.

A Profes oferece a possibilidade de receber o pagamento das aulas via plataforma, o que garante mais segurança ao professor.

Italk

O Italk é um site voltado ao ensino de idiomas, incluindo português, espanhol, coreano, japonês, inglês, francês e árabe.

O valor das aulas é fixado em dólares e você pode receber pelo PayPal ou Payoneer. Você não paga nada para se cadastrar e publicar seu anúncio, mas o site cobra uma comissão de 15% sobre cada pagamento recebido.

O Italk permite se cadastrar como professor profissional ou tutor. Professores profissionais precisam comprovar experiência e formação no ensino de idiomas, enquanto um tutor precisa apenas ser falante nativo e ter mais de 18 anos.

Criar um curso em vídeo

 
Essa é outra forma de ganhar dinheiro compartilhando conhecimentos: criar um infoproduto no formato de curso em vídeo.

Você pode criar um curso sobre as mais diversas temáticas, como: organização da casa, exercícios para cães, unhas decoradas, bolos de pote, produtividade, educação infantil, meditação, escrita criativa e muito mais.

O básico que você vai precisar para criar seu curso é um cenário (que pode ser no seu quarto mesmo), um celular com uma boa câmera e um editor de vídeos.

Plataformas como Udemy, Domestika e Hotmart servem para hospedar seu curso online e automatizar as vendas, além de oferecerem materiais educativos gratuitos.

Quanto dá para ganhar com aulas particulares?

Isso vai depender de fatores como o número de horas que você está disposto a dedicar às aulas, o valor cobrado por hora e a quantidade de alunos que você consegue captar.

Vamos supor que você dê aulas de matemática para o ensino médio a R$ 50 a hora. Dando apenas uma aula por dia, de segunda a sexta, você pode gerar uma renda extra mensal de R$ 1.000.

Nas aulas online você tem a possibilidade de receber em dólares ou euros, o que pode resultar em bons lucros, mesmo cobrando um valor relativamente baixo por aula.

Quando escrevi esse artigo, a cotação do dólar era R$ 5,10. Considerando esse valor, se você cobrar 20 USD por hora vai receber R$ 101 na conversão, trabalhando do conforto da sua casa.

Você pode encarar o trabalho de professor particular como uma forma de conseguir renda extra ou se dedicar exclusivamente a essa atividade.

Caso prefira criar um curso em vídeo, é um meio de conseguir renda passiva, já que o material pronto vai gerar lucros por tempo indeterminado. Nesse caso, é fundamental investir na divulgação do seu curso.

Conclusão

Ao chegar aqui, espero que você já esteja pensando em quais conhecimentos pode compartilhar para ganhar dinheiro.

Como procurei deixar claro no artigo, sua experiência no assunto que vai ensinar, assim como suas habilidades de comunicação e didática são mais importantes do que um diploma para ter sucesso com as aulas particulares.

Depois de decidir o que vai ensinar, é hora de investir em divulgação, seja por meio das redes sociais, de um blog, de vídeos no YouTube ou se cadastrando em plataformas online de ensino.

Lembre-se de voltar aqui para deixar um comentário contando sua experiência!

[Total: 2   Average: 5/5]
2 Compart.
Compartilhar2
Pin
Twittar
Compartilhar